Alergias mais comuns

Alergia ou reação de hipersensibilidade é uma resposta imunológica exagerada, que se desenvolve após a exposição a um determinado antígeno (substância estranha ao nosso organismo) e que ocorre em indivíduos geneticamente suscetíveis e previamente sensibilizados.

ALERGIA RESPIRATÓRIA

tratamentos-para´rinite-alérgica-3

Rinite


 

A rinite alérgica é uma doença inflamatória da mucosa nasal que é desencadeada quando o indivíduo alérgico respira alguma substância que provoca alergia. Os sintomas típicos são: secreção nasal (coriza aquosa) ou narinas entupidas, congestão nasal e espirros em sequencia (espirros em salva). As causas mais comuns da rinite alérgica são a exposição do ácaro da poeira domiciliar, pólens de árvores, plantas e gramas, mofo (fungos do ar) e animais de estimação, especialmente cães e gatos. Caso o paciente tenha esses sintomas, consulte um médico especialista, um alergologista, para consulta médica e a realização de exames mais específicos para o diagnostico.

conj_alergica

Conjutivite Alérgica


 

A conjuntivite alérgica é a inflamação da membrana que cobre o olho e das pálpebras interiores. Os sintomas típicos incluem vermelhidão, coceira ou ardor ocular, aspereza ou corpo estranho e lacrimejamento. Embora nem sempre, acompanhado por rinite conjuntivite alérgica: fala-se de rinoconjuntivite alérgica e causas são as mesmas que para a rinite.

asma

Asma Brônquica


 

A asma é uma doença alérgica com inflamação das vias respiratórias inferiores ou brônquios. Os sintomas típicos da doença são tosse, dificuldade para respirar ou falta de ar, chiado no peito e sensação de aperto no peito. Os alérgenos mais comuns da asma brônquica são as mesmas da rinite alérgica ou rinoconjuntivite alérgica: ácaros da poeira domiciliar, pólens, mofo (fungos do ar) e pêlos de animais. Caso tenha alguns desses sintomas, procure um médico especialista em alergia para a realização de uma consulta e exames mais específicos para o diagnóstico.

ALERGIA CUTÂNEA

urticaria

Urticária


 

É uma erupção cutânea caracterizada por prurido cutâneo e aparição ou urticária em qualquer parte do corpo. Estas erupções desaparecem em minutos ou horas, deixando uma pele de aparência normal, mas pode ser jogado em outra área do corpo. A causa pode ser uma reação alérgica a medicamentos, alimentos, picadas de insetos Himenóptera (abelhas e vespas) como parasitas Anisakis, etc.

dermatite

Dermatite Atópica


 

Eczema atópico ou dermatite atópica é uma doença inflamatória da pele que ocorre em pessoas com uma predisposição genética às doenças alérgicas (atopia); cerca de 30% dos indivíduos com dermatite atópica tem asma ou rinite alérgica ou urticária. É caracterizada por pele seca, que muitas vezes se torna inflamada, causando coceira intensa. Caso tenha esses sintomas, procure um médico especialista, um alergologista, para consulta e possíveis exames mais específicos para o diagnóstico.

dermatite_cntato

Dermatite de Contato


 

É uma reação inflamatória da pele que ocorre decorrente ao contato e posterior sensibilidade a determinada substância. As causas mais comuns são alergias de contato por metais como o níquel (jóias, botões, fivelas, moedas), cromo (curtimento de couro, cimento, tintas) cobalto (botões fivelas, moedas), mercúrio, cosméticos, tinturas de cabelo, (colírios, cremes ou pomadas) e calçados. Caso tenha suspeita de alergia de contato a alguma substância química procure um médico especialista, um alergologista, para consulta e possivelmente a realização de testes alérgicos de contato de leitura tardia.

ALERGIA ALIMENTAR

alimentar

Alergia Alimentar


 

A Alergia Alimentar é uma resposta exagerada do organismo a determinada substância presente nos alimentos. Apesar do importante papel das diferentes culturas sobre os hábitos alimentares populacionais, os estudos demonstram que um grupo limitado de 8 (oito) alimentos é responsável por 80 a 90% das reações alérgicas. São eles: leite de vaca, ovo, trigo, soja, amendoim, castanhas (nozes, amêndoas, pistaches, avelã), peixes e frutos do mar. Alergias a aditivos alimentares (corantes, conservantes, edulcorantes, acidulantes, estabilizantes, etc.) são raras (inferior a 1%). A Reação alérgica a alimentos pode ocorrer após a ingestão, inalação ou contato com a pele e é normalmente de aparência imediata, os primeiros sintomas que aparecem em poucos minutos e, geralmente, na primeira hora. As reações graves e fatais a alimentos podem ocorrer em qualquer idade. As manifestações clínicas são variadas e depende das características do indivíduo, tipo de alimento desencadeante e do mecanismo fisiopatológico envolvido. Caso tenha suspeita de alergia alimentar, consulte um médico especialista em alergia